Perdi um texto, perdi as ideias

Acabo de escrever um texto após uma longa reflexão que passou por 3 temas específicos: propósito, crise existencial e mundo high-tech. Tento carregar a imagem de topo, trava. De repente, página em branco.

O QUE?

Por falta de atenção, não salvei o texto que ia postar. Sem mais nem menos, todo o pensamento foi-se por água abaixo. Não há gênio que consiga resgatar as palavras vividas naquele momento de profunda imersão. Engraçado agora eu não me recordar nem da ordem e nem como abordei os assuntos. Simplesmente se perdeu. Fiquei brava, como não ficava há um bom tempo.

No momento de raiva pensei em 2 coisas:

  1. Como as ideias se perdem rápido;
  2. (Tô ouvindo playlist de piano para acalmar os nervos e a propaganda do Spotify começou a tocar. Não sei porque até hoje não comprei essa merd*. Me perdi aqui, calma)
  3.  Música de piano ao fundo voltou, agora consigo me lembrar da segunda coisa que pensava: acredito que nada aconteça por acaso.

Pode até ser um tipo de conforto pensar no “destino” ou no “era pra ser assim”, já que isso aconteceu somente e exclusivamente por culpa minha. Mas e se não era para eu postar o texto apagado? E se o texto apagado gerasse polêmica? E se eu afetasse negativamente pessoas?

O famoso “e se” que tanto me persegue… Sai fora, cara!!!

Acho que agora, mais fácil do que passar raiva ou duvidar do duvidoso, é saber que a vida segue. Quase chorei de ódio. Mas ódio é uma palavra que a cada dia se encontra mais fora do que dentro do meu dicionário.

Quem sabe um dia, as ideias que tive minutos atrás não voltam ainda mais firmes e com mais propriedade? Por hoje é só. Desabafo de uma mulher ainda angustiada por ter perdido um texto. AH, lembro que em uma parte do coitado que se perdeu, eu perguntava se alguém ai estava comigo nesse enrola-enrola, nessa confusão sem pé nem cabeça. Tomara que sim! Essa vida é mutcho loka.

Perdeu um texto? Perdeu uma ideia? Floresça a partir disso. Recicle seus pensamentos.

Deixe-se despertar.

Por Amanda Manera.

Foto: We Heart It

OBS: O site não segue um planejamento de posts. Por isso, você pode ficar perdida por aqui. Somente as tags 1/4, editorial e vídeos são pensados com antecedência. Tudo é escrito na hora exata de inspiração e muitas vezes me perco em meus próprios pensamentos. Após uma pequena crise, eis uma nova ideia, um novo texto e um novo aprendizado. Que sirva de lição. 

Postagens relacionadas